Comunicado do Climáximo sobre COP-21 (dia 19 de novembro)

2a08c327bb7352fab66e0ec6a2ce3ce1

Os recentes atentados em Paris têm vindo a ser utilizados para legitimar a restrição da liberdade de mobilização civil pela justiça climática durante a cimeira do clima, que irá decorrer de 30 de Novembro a 12 de Dezembro, 2015.

Consideramos que nenhum governo deve usar o terrorismo para promover o medo, aumentar o ódio, potenciar guerras e reduzir as liberdades individuais em nome da segurança. A melhor forma de responder à violência e ao terror é mostrar a força de um movimento global, de justiça e solidariedade, que transcende todas as barreiras e diferenças. Relembramos ainda que um mundo com alterações climáticas galopantes será um mundo com cada vez mais conflitos armados, estados falhados e dezenas de milhões de refugiados em todas as partes do globo. A luta pela justiça climática é também ela, e talvez mais do que tudo, uma luta pela paz.

Apelamos à manutenção de todas as acções de mobilização e protesto previstas durante a COP21 (e.g. Marcha pelo Clima no dia 29Nov, Mobilização no 12Dez).

Reafirmamos a nossa vontade de combater (em Paris ou em Lisboa!) as injustiças, a miséria, as guerras, as desigualdades, o racismo, a intolerância, as violações dos direitos humanos, a devastação ecológica e as alterações climáticas.

Mais do que nunca é fundamental levantarmos a voz pelo clima e pela justiça ambiental. Não pode haver COP21 sem sociedade civil e as nossas vozes serão ouvidas em todos os cantos do mundo.

Resistiremos!

Advertisements