4 agosto: Parar o furo – Stop the Drilling

Não manchem o nosso futuro.
Centenas de activistas erguem-se pela energia renovável, numa praia perto de Lisboa.
Juntem-se ao movimento.

Don’t fuel disaster.
Hundreds of activists stand for renewable energy near Lisbon’s shores.
Join the movement.

#pararofuro
#defendthesacred
#waterislife

(English below)

FAÇA PARTE DA HISTÓRIA NO CLIMA!

Junte-se a nós e a outras 1000 pessoas, numa acção de arte aérea na praia, para parar a exploração de petróleo em Portugal e apoiar a transição para uma economia e sociedade justas e regenerativas. Com a ameaça de dois dos espaços mais preciosos em Portugal, a costa atlântica do Algarve e do Alentejo, a última linha costeira da Europa em boas condições, e o santuário de Fátima, situado perto de uma das maiores reservas de água doce da Europa; é hora de agir!

Sob a orientação de John Quigley, utilizaremos os nossos corpos para desenhar uma grande mensagem no chão que será filmada por drones. Connosco teremos activistas do ALA, Climáximo, Campanha Linha Vermelha, Plataforma Algarve Livre De Petróleo, Stop Petróleo Vila do Bispo, Tavira em Transição e outros grupos e activistas internacionais que irão participar no encontro “Defend the Sacred”, em Tamera. Este será um dia de força e alegria, unindo a arte, o ritual e a acção política.

Demonstraremos soluções tecnológicas, para mostrar que existem alternativas funcionais. Esperamos que muitas outras pessoas e organizações – investigando questões semelhantes, trabalhando na criação de sociedades e assentamentos regenerativos – se juntem a nós e enriqueçam o intercâmbio.

Não tem a certeza que compreendeu a ideia? Veja o que organizámos no ano passado (embora estejamos seguros que este ano faremos uma acção maior e melhor!):
https://www.youtube.com/watch?v=0damGwctIi4

https://www.tamera.org/parar-o-furo

BE PART OF CLIMATE HISTORY!

Join us and 1000 other people, to take part in an aerial art action on the beach to stop fossil fuel exploration in Portugal, and support a just transition to a regenerative economy and society. With 2 of Portugal’s most sacred sites threatened, the Atlantic coast of the Algarve and Alentejo, Europe’s last unspoiled coastline, and the Catholic sanctuary of Fátima, near one of Europe’s biggest freshwater reservoirs, now is the time for action!

Led by John Quigley, we’ll use our bodies to draw a huge message on the ground, filmed by drone cameras. You’ll be alongside activists from ALA, Climáximo, Campanha Linha Vermelha, Plataforma Algarve Livre De Petróleo, Stop Petróleo Vila do Bispo, Tavira em Transição and other groups as well as global activists attending the second international gathering “Defend the Sacred” in Tamera. It will be a powerful and joyful day fusing art, ritual and political action.

We’ll showcase our technologies from Tamera to show there are working alternatives. Hoping as many other people and organisations researching similar issues, working on regenerative settlements and society, will join to connect and cross-pollinate ideas.

Not sure what this looks like? Check out what we did last year (although we’re pretty sure this year will be bigger and better!):
https://www.youtube.com/watch?v=0damGwctIi4

https://www.tamera.org/stop-the-drilling

#PararOFuro #defendthesacred #keepitintheground #climatechampion #fossilfree #peoplepower #actionclimate #climateaction #cleanenergy #renewableenergy #climate

Exemplos do trabalho de John Quigley: http://www.spectralq.com/Home.html
Plataforma nacional de acção “Parar o Furo”: http://pararofuro.pt/

Advertisements