Encontro Nacional pela Justiça Climática

encontro nacional

COMUNICADO FINAL DO ENCONTRO aqui.

Em Dezembro de 2015 milhões por todo o mundo protestaram por um acordo climático que garantisse a inversão das emissões de gases com efeito de estufa e a preparação do planeta para o impacto das alterações climáticas. Exigimos enfrentar este problema com a apreciação do momento histórico decisivo que as alterações climáticas têm para a civilização humana. Sabemos o que fazer, sabemos que há pouco tempo para fazê-lo. Sabemos que mitigar e adaptar-se às alterações climáticas requer a integração da justiça climática como centro.

Nos dias 8 e 9 de Abril juntamo-nos no Instituto de Ciências Sociais – movimentos sociais, associações da sociedade civil, mundo académico – para discutir o que fazer em Portugal. No momento em que a os teatros das negociações internacionais deixaram cair o pano, para nós não há dúvidas que a solução está, como esteve sempre, dependente da nossa acção. Travar os combustíveis fósseis, avançar para as renováveis a toda a velocidade, preparar territórios e populações, desmistificar o comércio internacional, preparar nova e melhor produção, repensar o nosso relacionamento com o planeta e uns com os outros.

Organizadores:
– Programa Doutoral em Alterações Climáticas e Políticas de Desenvolvimento Sustentável
– Climáximo

Programação disponível aqui.
Programa detalhado das sessões paralelas aqui.

 

Advertisements